Área Exclusiva:    Esqueci minha senha
 
 
 

Histórico

A história da indústria têxtil paulista se funde com a do Sinditêxtil-SP.  Fundado em 16 de março de 1932, o Sindicato é uma das mais antigas e importantes entidades têxteis do País. Registros mostram que a atividade industrial têxtil paulista iniciou-se entre as décadas de 1850 e 1860 e logo se fortaleceu no Estado. Dados oficiais de 1882 mostram que São Paulo dispunha de nove fábricas em operação, que já representavam 20% do parque têxtil do Brasil, mostrando assim a sua relevância econômica.

 

No mesmo ano em que o Sinditêxtil-SP nasceu, informações da Secretaria de Agricultura, Comércio e Obras Públicas de São Paulo ressaltam o crescimento do setor. Segundo o órgão, existiam 112 fábricas em funcionamento, com capital de 248 mil contos de réis e 37 mil operários. Assim, o Estado foi tecendo sua riqueza e aumentando sua participação na indústria nacional.

 

Em consequência da expansão, o setor precisou se organizar e com isso, o Sindicato se firmou em São Paulo. Passando por diversas lutas em prol do fortalecimento dos têxteis, inclusive no início do processo de industrialização do Brasil, até os dias de hoje, com a recente redução das alíquotas do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

 

Hoje, representa os têxteis de um Estado que responde por mais de 30% do faturamento do setor brasileiro, o Sinditêxtil-SP sempre foi um forte atuante em questões políticas e econômicas a favor da indústria têxtil.





SINDITÊXTIL SP - Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem do Estado de São Paulo
Rua Marquês de Itu, 968 - Vila Buarque - Cep 01223-000 - São Paulo - SP