NOTÍCIAS
 
 

Sinditêxtil-SP abre espaço para discussão sobre Parque Tecnológico

 
 
Alfredo Emílio Bonduki, presidente do Sinditêxti-SP e Marcos Cintra, secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e do Trabalho de São Paulo.

O presidente do Sinditêxtil-SP, Alfredo Emílio Bonduki, recebeu o secretário municipal de São Paulo do Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Marcos Cintra, no dia 8 de dezembro, na sede do Sindicato, na capital paulista, para discutirem junto a especialistas diversos aspectos que envolvem o Parque Tecnológico de São Paulo – Leste.

Com a intenção de atrair mais investimentos para a zona leste da cidade, que é considerada “região-dormitório”, a Prefeitura e o Governo do Estado, criaram o Parque para instituir um ambiente de pesquisa, introduzir tecnologias avançadas e ser uma base para novas indústrias.

“Essa área necessita de um novo olhar, de mais empresas, pois existem muitas pessoas que residem nesses bairros esperando uma oportunidade para progredirem cada vez mais. Sinto-me orgulhoso em abrir espaço para a discussão de um assunto que trará o futuro para aquele local”, afirmou Bonduki ao ressaltar o baixo índice de desenvolvimento local.

Já o secretário Marcos Cintra, destacou a necessidade da ampliação da estrutura da zona leste. “Precisamos criar uma cadeia produtiva naquela região que, inclusive tem a menor renda por habitante do Município. Além disso, é uma área com muita mão de obra, mas que não tem vagas de trabalho para atender toda a população”, atribuiu.

Ainda durante o encontro, foi apresentado estudo sobre o tema, feito pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), para subsidiar o credenciamento definitivo do Parque Tecnológico. Especialistas que participaram da apresentação mostraram as tecnologias que podem ser utilizadas no ambiente, os custos e questões urbanísticas do projeto.