NOTÍCIAS
 
 

Grito de Alerta: empresários e trabalhadores se unem contra desindustrialização do País

O Sinditêxtil-SP em parceria com a FIESP, ABIMAQ, Abit e outras entidades patronais e laborais está engajado na mobilização de âmbito nacional “Grito de Alerta”. O manifesto une trabalhadores e empresários no intuito de chamar a atenção do governo para o eminente risco de desindustrialização que o País corre.  Em São Paulo, a manifestação será realizada no dia 4 de abril, na Assembleia Legislativa do Estado e tem a expectativa de reunir mais de 100 mil pessoas.

Alfredo Emílio Bonduki, presidente do Sinditêxtil-SP, afirma que o ato é de extrema importância para que as autoridades se sensibilizem para diversas causas que diminuem a competitividade da indústria têxtil e de confecção brasileira. “Nosso setor passa por problemas com o câmbio, importações desleais e guerra dos portos. Precisamos nos unir para reivindicar condições isonômicas de competição e continuar garantindo empregos”, disse. Bonduki ainda destacou a necessidade da participação dos empresários e trabalhadores.  “É de extrema importância que os colaboradores das indústrias participantes sejam liberados de seus postos de trabalho para adesão do manifesto. O transporte será organizado pelos sindicatos dos trabalhadores de cada região”, enfatizou.

Programe-se e participe!

03/04 – Curitiba - PR
Local: Avenida Juscelino Kubischek (Contorno Sul)
Região entre a Bosch e a Kraft (Cidade Industrial de Curitiba)
Horário: 14h

04/04 - São Paulo - SP
Local: Assembleia Legislativa
Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, 201. São Paulo - SP
Horário: 10h

12/04 – Belo Horizonte - MG
Local: Assembleia Legislativa de Minas Gerais - Plenário Juscelino Kubischek
Endereço:Praça Carlos Chagas - Bairro Santo Agostinho (entrada também pela Rua Rodrigues Caldas, 30)
Horário: 14h30

10/05 – Brasília – DF
Local: a confirmar