Matérias

Desenvolve SP chega a R$ 200 milhões em empréstimos verdes

29/03/2018

Buscando soluções mais eficientes na questão operacional e visando reduzir também o impacto ambiental, pequenos e médios empresários paulistas estão investindo mais em projeto sustentáveis. A cifra de empréstimos verdes no Estado chegou à marca de R$ 200 milhões, de acordo com dados da Desenvolve-SP – Agência de Desenvolvimento Paulista,

Demandados ao longo dos últimos oito anos, os recursos foram investidos principalmente em sistemas de eficiência energética, como geração de energias renováveis e em projetos voltados à redução de emissões de gases causadores do efeito estufa.

Se tratando do destino dos financiamentos, em empresários do interior do Estado saíram na frente, tendo em vista que são responsáveis por 62% dos investimentos realizados. A indústria ainda foi responsável pela demanda de 49% do montante (R$ 97 milhões), na sequência, aparecem as empresas do comércio e prestadoras de serviços, com 45% (R$ 90 milhões). Através de prefeituras, o setor público contou com participação e investiu em outros 6% (R$ 12 milhões), com ênfase na renovação ou adequação de suas frotas e substituindo a utilização de combustível fóssil para combustível mais limpo, a exemplo do biodiesel e etanol.

Pouco mais de R$ 36 milhões foram financiados pela Desenvolve SP em 2017 pela linha de crédito Economia Verde. O número evidencia elevação de 66% em relação ao ano retrasado, período em que foi registrado R$ 21 milhões em desembolsos. “O aumento mostra que as empresas já estão se movimentando no sentido de adquirirem mecanismos mais econômicos e ambientalmente responsáveis”, indica Milton Luiz de Melo Santos, presidente da Desenvolve SP.


TAGS: Desenvolve SP, sustentabilidade, crescimento, renda, empréstimo, verde