Matérias

Setor mostra resultados da arrecadação de ICMS em São Paulo

23/04/2019

Na SEFAZ, Henrique Meirelles recebe pleitos do setor têxtil e de confecção

A arrecadação de ICMS do setor têxtil paulista cresceu 7,4%, em 2018, na comparação com o ano anterior. Os dados foram apresentados pelo presidente do Sinditêxtil-SP, Luiz Arthur Pacheco, em audiência com o secretário da Fazenda do Estado de São Paulo, Henrique Meirelles. “Apresentamos ao secretário os índices positivos decorrentes do Decreto 62.560/2017 que zerou o ICMS nas operações internas do Estado”, informou Pacheco. Ele acrescentou que também foram apresentados pleitos visando o aprimoramento do Decreto, bem como alternativas visando mitigar efeitos decorrentes da guerra fiscal. “Os pleitos tomarão um encaminhamento técnico e seguem em análise na Coordenadoria da Administração Tributária”, complementou.

Durante o encontro, o presidente do Sindicato também apresentou a agenda de competividade, capitaneada pelo Sinditêxtil-SP em parceria com o Sindivestuário. “O secretário se mostrou muito atento às demandas do setor e enfatizou o interesse do governo estadual em ser mais ofensivo em busca da retomada da competitividade dos setores industriais paulistas. Esperamos colher resultados positivos em breve”, afirmou Pacheco.

A reunião, no dia 22 de abril, também contou com a presença do presidente da Abit, Fernando Pimentel e do diretor Executivo da Abrafas, Eduardo Cintra, entre outros.