Matérias

Sinditêxtil-SP em prol da Campanha Butantan

06/08/2020

Vamos salvar vidas produzindo vacinas! Todos pela saúde

Após mais de quatro meses da quarentena, cada vez fica mais claro que uma vacina segura e eficaz contra a COVID-19 é a estratégia mais promissora para combater a pandemia da COVID-19, permitir a reabertura da economia e prevenir novas ondas da doença. Contudo, sabemos ainda que o maior gargalo será garantir a demanda de produção e distribuição global de bilhões de doses, incluindo a necessidade de insumos e a logística necessária para isso.

Atualmente, cinco candidatas de vacinas contra a COVID-19, de tecnologias distintas, estão sendo testadas no Brasil. Porém, o mais interessante para o País é possuir a tecnologia e a capacidade autossustentável de produção da vacina no Brasil, e até o momento isso se mostra mais factível com a parceria da Sinovac com o Instituto Butantan.  

 

Entenda a Parceria Sinovac - Butantan - Ela tem três etapas. A primeira é o desenvolvimento clínico de fase III que será patrocinado pelo Instituto Butantan e aprovado pela Anvisa e já iniciado no mês de julho. A segunda etapa da parceria envolve o envase da vacina nas instalações do Instituto Butantan pois considerando que a vacina seja aprovada pela análise interina da Anvisa, temos condições de fornecer de forma rápida e segura a vacina a população em quantidades suficientes para os grupos de risco e profissionais de saúde. A terceira etapa da vacina envolve a transferência de tecnologia ao Instituto Butantan para que este seja capaz de incorporar o processo de produção do princípio ativo da vacina contra COVID-19 de forma independente e nacionalizada. Isto dará autossuficiência ao país na produção e fornecimento da vacina à população brasileira e com possibilidade de fornecimento aos países vizinhos na América Latina.

Desafio para produzir vacinas - Para essa última etapa, o Instituto Butantan precisa adequar uma fábrica já existente para contemplar as condições de biossegurança e de produção da vacina. O projeto está estimado em um valor de 130 milhões de reais. A incorporação da tecnologia nesta fábrica abre um precedente histórico no País quanto ao treinamento e capacitação de pessoal em bioprocessos, escalonamento e produção de vacinas virais em ambiente altamente controlado.

Para este projeto, a iniciativa do Itaú Unibanco, Todos pela Saúde, que tem o objetivo de contribuir para combater a pandemia nas diferentes classes sociais e apoiar as iniciativas da saúde pública, vai destinar 50 milhões para construção da fábrica descrita acima. Soma-se a esse apoio, a doação de 10 milhões de reais da AMBEV totalizando 60 milhões no fundo destinado para execução do projeto CMPV. O Instituto Butantan busca por demais interessados em apoiar este projeto em prol da saúde pública com o fornecimento da vacina em quantidades suficiente e autossustentável à população brasileira e aos nossos países vizinhos. 

Participe dessa campanha pela preservação
da vida de todos. Faça sua doação.

Para contribuir, preencha o termo de doação

Contato com Paulo Capelotto para orientação geral
(11) 99698-1733 ou paulo.capelotto@butantan.gov.br

Leia mais sobre o Projeto e Orçamento do Centro de Multiprocessos

Conheça mais o Butantan no vídeo abaixo:

 


TAGS: vacina, instituto butantan, são paulo , covid-19, campanha